sexta-feira, 25 de novembro de 2011

O Grilinho Tenor na Voz de Vânia Pereira

Fui agradavelmente surpreendida um dia destes, pela escritora Palmira Martins, que já me tinha falado dos trabalhos maravilhosos que as escolas têm feito com o livro “O Grilinho Tenor”, mas quando mostrou-me este vídeo da escola de Francelos, eu fiquei sem palavras! Ainda hoje quando vejo e oiço o vídeo fico incrédula com o maravilhoso trabalho.
A voz lindíssima é da Vânia Pereira, a letra do Sérgio Castro e o arranjo musical do Pedro Sá. Queria dizer-vos que aplaudo-vos de pé. Muito obrigada pelo excelente trabalho.

O Grilinho Tenor

O livro O Grilinho Tenor conta a relação entre um menino e um Grilo. A história apela à reflexão sobre a privação da liberdade e o respeito pelos animais.
Esta é a minha primeira parceria com a escritora Palmira Martins e a editora TRAMPOLIM. A escritora para quem ainda não conhece aconselho a ler a minha antiga publicação neste blogue que lhe dedico com muito carinho aqui. A editora é um verdadeiro prazer ter oportunidade de trabalhar com uma editora que não só edita e edita muito bem como ainda investe em eventos que promovem a literacia e a cidadania. Exemplo disso é o evento Escritores e Ilustradores de Mãos Dadas ao qual também dediquei uma publicação neste blogue, podem ler aqui
Não arrisco a aconselhar a idade dos ouvintes até porque apesar de ser uma história infantil tem uma mensagem para todas as idades.
Desejo que vivão e sintam a história só assim a mensagem poderá passar.
Espreitem também o vídeo  e a sugestão da RUM_ Rádio da Universidade do Minho

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

O Grilinho Tenor uma sugestão da RUM

No dia 13 de outubro a RUM_Rádio da Universidade do Minho. Sugeriu no seu programa Leitura em dia o Livro “O Grilinho Tenor”. A descrição deste projecto feito pelo António Ferreira e pelo Sérgio Xavier deixou-me sem palavras. Muito obrigada!
Espero que gostem das palavras do António e do Sérgio que ficaram-me no coração, espero que a vocês fique no ouvido.
Ora ouçam RUM_Leitura em Dia

Sugiro que visitem o site da Rádio Rum www.rum.pt e adiram à sua página no facebook http://www.facebook.com/radiorum é uma rádio excepcional com uma programação muito interessante.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Experimenta Design_USELESS?

Para terminar este fim-de-semana de desafio nada melhor que calçar os ténis, colocar a mochila às costas, juntar-me a um grupo de amigos e ir explorar Lisboa seguindo o roteiro da EXPERIMENTA DESIGN. O tema deste ano USELESS.
Para quem não conhece EXPERIMENTA DESIGN é uma Bienal internacional dedicada ao design, arquitectura e criatividade. Posiciona-se como uma plataforma dinâmica e arrojada que promove a cultura contemporânea através da discussão e da reflexão. O tema deste ano propõe aos visitantes uma reflexão aprofundada dos conceitos de utilidade e “sem uso”.
A bienal encontra-se um pouco por toda a cidade de Lisboa, em espaços pouco conhecidos do grande público mas de grande interesse patrimonial, arquitectónico ou histórico, em zonas emblemáticas da cidade. (também é um convite a descobrir uma Lisboa escondida)
Ao contrário do tema da Bienal a sua visita é mais do que útil eu diria imprescindível. Não me atrevo a sugerir-vos qualquer parte da Bienal, consumam tudo o que conseguirem… garanto a sua utilidade. http://www.experimentadesign.pt/

sábado, 19 de novembro de 2011

Oficinas de Expressão Artística

Estive esta manhã nos Paços Galeria Municipal em Torres Vedras, na Exposição Das Sombras, a partir da obra de Lourdes Castro, como Formadora Convidada das Oficinas de Expressão Artística da associação ESTUFA - Plataforma Cultural.
É muito gratificante acompanhar um grupo tão curioso e tão ávido de saber.
A Oficina de Expressão Artística iniciou-se com uma apresentação do grupo e uma breve introdução á exposição que se seguia. E seguiu-se uma bela viagem aos trabalhos criados a partir da obra da artista Lourdes Castro. Foram feitos por diferentes públicos desde Jardins de Infância até ao clube Sénior, dirigida e muito bem pela Patrícia Sobreiro. Confesso-vos que a mim a exposição fez-me relembrar o quanto o trabalho da artista é maravilhoso e o potencial artístico e poético das sombras. Maravilhoso! A Oficina terminou comigo a partilhar com o grupo o meu trabalho, os livros editados, as ilustrações originais e a minha experiencia. Foi uma manhã muito criativa, de maravilhosas partilhas e convívio.
Um obrigada muito especial à Patrícia Sobreiro pela partilha, à Diana Coelho pelo convite a participar na Oficina de Expressão Artística e ao maravilhoso grupo que acompanhei.

Faz bem e recomenda-se para alargar horizontes a visita à exposição Das Sombras que estará patente até dia 26 de Novembro e as Oficinas de Expressão Artística para saberem mais sobre estas Oficinas sigam o link

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

A Festa dos Quadrados_O Passeio

Depois d`A Festa dos Círculos, as escritoras e ilustradoras Mª Carolina Pereira Rosa e Ana Beatriz Afonso deram continuidade à Colecção e surge agora
A Festa dos Quadrados.
Para quem não conhece, as primeiras edições, a colecção ensina a ilustrar através de círculos de cartolina. Curiosos? Eu também fiquei! Consegue-se criar tudo através de círculos e agora quadrados. Esta colecção tem a particularidade do papel deixar de ser a base ou o suporte do desenho e passar a ser o desenho em si, o lápis é substituído pela tesoura. Por isso venham daí e entrem na Festa que o Passeio Criativo vai começar!
Engane-se quem pense que esta colecção é dirigida apenas aos pequeninos, pela sua simplicidade. Desafio a qualquer adulto a exercitar a sua criatividade inspirando-se nestas ilustrações, criando apenas através de círculos ou de quadrados.
A colecção já conta com 3 livros editados: A Festa dos Círculos _O Natal, A Festa dos Círculos_A primavera e a A Festa dos Círculos_O Mar. Coube á minha colega Patrícia Espírito Santo o design destes três livros já editados. Agora as autoras oferecem-nos mais um livro para a colecção, desta vez o desafio é com quadrados.
A Festa dos Quadrados _O Passeio. O design esteve a meu cargo e confesso-vos que diverti-me muito mesmo!
A editora que faz nascer este projecto foi a editora SOREGRA.
Mais imagens deste livro aqui

sábado, 12 de novembro de 2011

Museu da Chapelaria, Fábrica FEPSA e Viarco

Ainda aproposito do 4º Encontro Nacional de Ilustração queria dedicar esta publicação exclusivamente às visitas guiadas ao Museu da Chapelaria às Fábricas da FEPSA e Viarco. As três visitas encantaram-me! Eu adoro chapéus e lápis então… tem um encanto irresistível para qualquer riscador.
A fábrica da FEPSA mostrou-nos o processo de fabrico dos chapéus. Pêlo de coelho, pêlo de lebre, pêlo de castor e lã de ovelha. Não vos vou contar o processo até porque uma visita à fábrica é indispensável e a discrição do processo sem desmonstração é inútil. A visita à fábrica da FEPSA foi importantíssima para contextualizar a visita que se seguia.
O Museu da Chapelaria para além da sua história “prática e funcional” de construção de chapéus, neste caso num contexto de património, sente-se no Museu uma enorme carga afectiva e emotiva pelo espaço e, a razão por ter sentido isso, foi porque a fábrica deu lugar a um Museu e congelou histórias de famílias. Sente-se uma atmosfera de memórias, memórias de famílias inteiras que viveram naquele espaço, que um dia foi só deles e agora é de todos nós. Para além da visita ao Museu sugiro que leiam o livro “Unhas Negras” do escritor João da Silva Correia sobre os chapeleiros e terminem a visita a jantar no restaurante do Museu. Nós comprámos um chapéu e, numa agradável conversa com a Directora do Museu, que nos disse que podíamos descrever o chapéu que quiséssemos e encomendar pelo blogue deles, depois o museu envia o orçamento para nossa aprovação e assim adquirimos um chapéu personalizado de grande qualidade.
Museu da Chapelaria S. João da Madeira |Rua Oliveira Júnior, nº501, 3700 S. João da Madeira | tlf 256 201 680 Serviço Educativo 256 201 682 museu.chapelaria@gmail.com http://museudachapelaria.blogspot.com/
A fábrica da Viarco
faz as delícias a qualquer riscador que se preze, o espaço em si não é computorizado como muitas fabricas o são, mas confesso-vos que esta foi uma das características da fábrica que mais me encantou. O José Miguel Vieira dono da Viarco contrasta com o espaço de máquinas antigas “fora de contexto para o séc. XXI” é um homem receptivo a novas ideias, que faz frente a estatísticas e probabilidades… eu diria um sonhador com os pés ligados à terra. Apar com ele e novamente em contraste com a fábrica é o site http://www.viarco.pt/  onde se pode encontrar os seus excelentes produtos. Eu admiro a Viarco por muitos motivos: por ser uma empresa Portuguesa, por ser tão receptiva a novas ideias como por exemplo o Projecto Color Add do designer Miguel Neiva, pela magia do espaço que a torna tão especial, pelos produtos de qualidade que dão-nos a possibilidade de novas experiencias.
P.S. para facebookianos | http://www.facebook.com/ViarcoPortugal
Não tenho mais palavras e fico-me apenas com esta IMPERDIVEL!

Vídeo _4ºEncontro Nacional de Ilustração

Aqui fica o vídeo do 4º Encontro Nacional de Ilustradores, para partilhar convosco. Apenas um pouco daquilo que foi o evento, muito fica por vos mostrar e contar. Mas para quem não viveu o Evento terá oportunidade de se redimir para o próximo ano, porque a organização do evento já arregaça as mangas para 2012. Mas enquanto o 5º Encontro Nacional de Ilustração não chega, fiquem com estas imagens. ;)