sábado, 22 de dezembro de 2012

Feliz Natal e um ano de 2013 cheio de sonhos…


Desejo-vos um Feliz Natal e um ano de 2013 cheio de sonhos a concretizarem-se num bonito Castelo.

Pedras no Caminho poema de Fernando Pessoa
Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não esqueço que a minha vida é a maior empresa do mundo.
E que posso evitar que ela vá à falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma. É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta. 
Pedras no caminho? 
Guardo todas, um dia vou construir um castelo...”

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

O Comboio Verde e o Cavalinho Valente


O Comboio Verde e o Cavalinho Valente conta a história de um Comboio Verde muito especial e de um cavalinho Valente. Este Livro é uma deliciosa história de amizade, de solidariedade e de cooperação, um livro de afectos. Paralelamente também é uma homenagem ao comboio de Sintra.

As ilustrações e a história estão magnificas da autoria de uma ilustradora e escritora de quem eu admiro muito e tenho muito carinho Mª Carolina Pereira Rosa.




Coube-me o prazer de mais uma vez trabalhar em parceria através do design editorial e do tratamento de imagem.

A editora que faz nascer este projecto é a editora SOREGRA.

Macaco Paco_Fotógrafo na Quinta


Macaco Paco Fotógrafo na Quinta é um livro para os mais pequeninos. Eu considero um três em um:
conta uma história.
é um livro de actividades.
 é um despertar à arte de fotografar.

Coube-me o prazer de ser a responsável pelo design do livro e confesso-vos que durante o processo de criação lembrei-me o quanto a minha filha iria adorar este livro. Será um excelente amigo que acredito que levará para todo o lado e vou aproveitar para incentivá-la e falar-lhe da arte e paixão de fotografar.

O Macaco Paco já está pronto para fotografar quem será o primeiro a pousar?

“Voou logo a Borboleta, feliz por ser a primeira
Pediu uma fotografia para usar na carteira.”

“- Agora é a minha vez! –reclama o Pinto Liró
- Quero duas fotografias para dar à minha avó.”

Um a um lá foram todos os animais da quinta pousar para o Macaco Paco agora só faltas tu.


As Autoras… as  Criativas que mais uma vez oferecem-nos mais um excelente livro são as escritoras e ilustradoras Mª Carolina Pereira Rosa e Ana Beatriz Afonso.

A editora que faz nascer este projecto é a editora SOREGRA.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Ilustr(arte) Torres Vedras




Ilustr(arte) são intervenções publicas em montras de lojas devolutas em Torres Vedras. O Comércio Tradicional é o principal tema retratado com cheirinho a Natal.
Esta é uma iniciativa da Cooperativa de Comunicação e Cultura http://www.ccctv.org/ com o apoio da Câmara Municipal de Torres Vedras.

Os artistas que participam este ano são Ana Mafalda Fernandes, Ana Ventura, Catarina Sobreiro, Diana Duarte, Eunice Rosado, Filipe Branco, Filipe Leal de Faria, João Dias, João Faustino, João Rodrigues, Leonor Brilha, Margarida Prieto, Marta Lee, Patricia Sobreiro, Rita Feliciano, Tânia Clímaco, Vanessa Effe e Vivian Vilela.

Esta exposição vai estar patente entre 8 e 24 de dezembro, numa galeria ao ar livre muito especial, as ruas do centro da cidade de Torres Vedras.

As ilustrações encontram-se a concurso. Para votarem devem colocar no edifício Paços do Concelho, ou na feira de artesanato CCChic em Torres Vedras ou no facebook AQUI  a minha montra é a Nº3.

Montra Nº3

A minha ilustração é uma homenagem ao comércio tradicional especialmente para os meus avós e pais. Também para todas as famílias, assim como a minha, que o seu espaço de trabalho é muito mais que uma fonte de rendimento.

Sou irmã, filha e neta de comerciantes. Nasci e cresci empoleirada ao balcão de uma taberna e de uma mercearia. Recordo-me na minha infância de ver jogatanas de cartas ao domingo à tarde dos cigarros na ponta dos dedos até acabar e dos dedos amarelos. Ver o meu avô a servir copos de vinho três quinze ou um tintol. De acordar às 6 da manhã para abrir a porta ao padeiro, sentir o cheirinho do pão quente e, ver e viver o dia a nascer enrolada no colo doce da minha mãe.
Comércio tradicional é sinónimo de afectos, de  2 ou três dedos de conversa… ou 4 para oferecer. Existe sempre um cumprimento de um bom dia, uma boa tarde… conhecem o teu nome, a tua família, tu fazes parte da família tu és família. Há calor humano e uma boa dose de simpatia. O Cliente educado não pede fiado mas se estiver apertado nós facilitamos (Quantas famílias nós ajudámos e ajudamos?). Quando o cliente não acredita na caixa registadora fazemos questão de fazer as contas à mão, com o nosso lápis Viarco (a única fábrica de lápis em Portugal, gostamos do que é nosso!). Somos tradicionais mas temos multibanco. Sabem, há tradições que nunca deviam cair em desuso OS AFECTOS
Por isso convido-vos a irem até à rua 1 de dezembro para visitarem o senhor Vitorino. Ele cumprimenta afectuosamente todos, dê-lhe cumprimentos meus.


Para ti avô Zé e Avó Paula, obrigada pelos momentos felizes de infância.
p.s. Saudades de sempre e para sempre.

À Inês Mourao, o meu muito obrigada pelo delicioso convite e pela excelente iniciativa. As ruas da minha cidade estão lindaaaaaaaaaaassss!

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Especialmente para ti Clara


Há alguns meses atrás numa das minhas exposições de ilustração conheci a Mãe Sandra, que manifestou a vontade de adquirir uma ilustração personalizada para a sua filha Clara. Esta ilustração deu-me um particular e especial prazer em fazê-la pelos motivos doces apresentados por esta Mãe. É uma ilustração para marcar um momento especial da Clara, feita especialmente e propositadamente para ela e só para ela.
Hoje fui entregar a ilustração e fiquei a conversar com esta mãe, mais uma vez encheu-me o coração. Fiquei feliz, venho feliz porque comprar uma ilustração terá em muitos casos o objectivo decorativo, neste caso nasceu e transporta uma história de afectos. Fiz questão, pela particularidade desta Mãe, de entregar pessoalmente a ilustração nas mãos da Clara e explicar-lhe que aquela menina representada na ilustração era ela, a sua escrivaninha, as suas letras, o seu mundo. Adorei a particularidade da Mãe explicar à Clara que ela agora estava transformada num desenho. Um dia espero voltar a encontrar-me com a Sandra e a Clara a propósito desta ilustração para voltarmos a conversar como nasceu aquela ilustração. Agora desejo que a ilustração instale-se confortavelmente no quarto da Clara, que assista à entrada da Clara na escola, às suas aventuras, às suas histórias, desejo que se torne uma janela inspiradora para dançar e viajar enquanto ouve na voz carinhosa da Mãe o contar das histórias.

Aqui fica o excelente e inspirador texto da Mãe Sandra para a sua Clara. Foi através dele que nasceu a ilustração.

Clara … este é o nome da menina que quer aprender a ler. Debruçada na sua secretária branca, meio riscada pelos lápis de cor, Clara viaja pelas histórias que, todas as noites, a mãe lhe conta antes de dormir.
Clara adora ouvir aquelas histórias, mas o que ela gostava mesmo era de aprender a ler.
Não sabe ler porque tem apenas 4 anos, mas como é curiosa fica a contemplar as imagens que nos livros ilustram aquelas letras, que juntas, formam palavras que, depois contam coisas. Coisas que lhe interessam saber.
Por isso, ela esforçasse por conhecer as letras e até algumas palavras.
Começou por aprender a escrever o nome dela e depois fez amizade com outras letras que passaram a ser lhe familiares: o A, S, J, Z, P, L. Chama lhe “letras amigas” porque são as iniciais do nome de pessoas de quem gosta muito.
                                            ”
Muito Obrigada pelo texto e pela nossa conversa inspiradora Sandra. Beijos cheios de afectos para vocês as duas. 

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Dia do Pijama



Hoje é Dia Internacional da Convenção dos Direitos da Criança. Também é o Dia do Pijama. Esperam-se que milhares de crianças apareçam de pijama na escola.


O que é o Dia Nacional do Pijama?

O Dia Nacional do Pijama é um dia solidário feito por crianças que ajudam outras crianças.
Neste dia, as crianças até aos 6 anos, nas escolas e instituições participantes, de todo o país, vêm vestidas de pijama para a escola e passam, assim, o dia, em atividades originais e divertidas, até regressarem a casa.
O Dia Nacional do Pijama realiza-se a 20 de novembro de cada ano.
Este é um dia em que as crianças pequenas lembram, anualmente, a todos que uma criança deve crescer numa família.
Esta iniciativa da Mundos de Vida realiza-se em nome de uma grande causa "uma criança tem direito a crescer numa família". 



quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Histórias da AJUDARIS | 2012


Este ano tive a honra de ser convidada a ilustrar uma deliciosa história feita pelos meninos do 1ºano da EB1 do Barrocal do Agrupamento de Escolas de Marquês de Pombal.
O desafio foi feito pela Associação AJUDARIS para o projecto Histórias da Ajudaris 2012 -Avós, que já vai na quarta edição. Este projecto é fruto de uma vasta rede de sinergias de várias escolas, ilustradores, universidades e surgem na necessidade de incentivar os hábitos de leitura e escrita de forma natural e espontânea, despertar as crianças para a arte e a importância da solidariedade, uma vez que as verbas arrecadadas com a venda do livro revertem integralmente em prol de crianças e famílias carenciadas.
A par da edição do livro, as ilustrações irão viajar pelo país numa exposição itinerante com o objectivo de sensibilizar as crianças para a arte.
E a história é esta
                                                             Os meus avós
             São como pedraS preciosas.  
                                       AMorosos.  
                                         Eu gosto muito deles porque  
                                       CUidam, brincam, lêem, contam muitas  
                           HistóriaS e adivinhas.  Protegem, 
                                         Aconselham, tomam chá e  
                                         Vão à missa.  
                                       SÓ param para dormir a sesta. 
                                         São Lindos os meus avós.

E o meu abraço ilustrado é este


Adquira o livro Histórias da Ajudaris 2012, em qualquer altura do ano. O livro alia a vertente pedagógica e artística à solidária uma vez que a venda do livro reverte integralmente em prol do apoio a crianças e famílias carenciadas! O Livro custa 5€ e podem encomendá-lo através do tlf 222 013 159 ou 936 847 206 ou COMUNICACAO@AJUDARIS.ORG

 O projecto AJUDARIS foi reconhecido em maio deste ano como um projecto ES+ porto reportagem AQUI
O blogue da Associação AJUDARIS AQUI

terça-feira, 6 de novembro de 2012

O Coelhinho Branco chega às Metas


Cá em casa decidimos fazer uma jantarada para comemorar!

Apesar do Coelhinho Branco correr muito nesta história, foi com surpresa que descubro que também pertence à lista de livros recomendados pelas Metas Curriculares de Português. Primeiro já o Plano Nacional de Leitura o recomendava.
Foi com surpresa mas principalmente com muito agrado que recebo a notícia. Sabe sempre bem ver um livro que acarinhamos e dedicamos o nosso trabalho a ser reconhecido.

Biblioteca (Con)Sentidos


Frequentemente habito bibliotecas e todas elas têm o seu encanto especial, mas o ano passado visitei uma  em particular que assim que entrei senti-me carinhosamente ABRAÇADA.
Foi a Biblioteca Escolar de Campelos.


Esta biblioteca é habitada por livros, mas estes não se acomodam apenas nas estantes, eles também esvoaçam pelo céu daquela biblioteca pairando por vezes nas nossas cabeças.


Existe uma árvore cheia de frutos, carregadinhos de sementes prontos para serem devorados e as suas sementes germinarem!

Páginas de livros que envolvem mesas, abraçam-nas!










Este ano recebo um honroso convite a propósito desta Biblioteca que deixou-me especialmente feliz. Este ano a biblioteca foi requalificada pela Rede de Bibliotecas Escolares e o Agrupamento a que pertence foi integrado no projeto aLer+ do Plano Nacional de Leitura

Esse reconhecimento foi comemorado no dia 26 de outubro. Um reconhecimento muito merecido à biblioteca mas principalmente à excelente equipa que cuida dos livros e alimenta os seus leitores. Eles são a biblioteca.
Nesse dia houve uma receção calorosa, a apresentação do projecto aLer+ “Livros (Con)Sentidos)”, uma sessão de histórias com a contadora de histórias Elsa Serra “Onde as histórias se encontram!” e um encerramento com petiscos para alimentar o físico que o espirito já estava bem alimentado.

Beijos grandes à equipa da Biblioteca um muito especial à Helena Antão. Muito obrigada (Sentido) pelo convite Helena. 

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Em noite de BRUXAS, sapos e LagARtOs!



Hoje é noite de BRUXAS, sapos e LagARtOs! 
Paira no ar por estas bandas cheiro de erva-doce e canela. (não sei se será de alguma mesinha de bruxa ou bruxedo?). Mas o cheiro a Broas quentes, castanhas e água-pé ENFEITIÇA-ME! Noite mágica esta!

Amanhã é dia de aninhar-me na minha mãe que faz anos. Receber bandos de miúdos a gritar “Ti Maria Pão por Deus” e oferecer-lhes rebuçados, broas, tremoços e pevides… Sabe tão bem viver aqui!

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Retrospectiva do 5ºEncontro Nacional de Ilustração


Existem encontros de OURO. Verdadeiramente raros e valiosos.
Nos passados dias 15 a 20 de outubro realizou-se o 5º Encontro Nacional de Ilustração um evento que valoriza a arte de ilustrar em Portugal, em São João da Madeira.
Um Encontro valorosíssimo sobretudo na riqueza de partilhas e convívios. É uma experiência muito rica, uma experiência e uma semana inesquecíveis!


O Evento proporciona:
Lançamentos de Livros| descobrir e ouvir as histórias de um livro, faz-nos observar e acarinhar o livro de uma outra forma. Equivale a qualquer coisa como conhecer o namoro dos pais do livro antes deste nascer.

Oficinas com Ilustradores| Proporcionar às escolas da cidade o encontro com ilustradores integrando o evento na comunidade escolar. Eu adoro semear sonhos, sou sempre muito bem recebida pelos sonhadores. Este ano mais uma vez levei a minha mala carregadinha de sementes. Plantei e qual não foi o meu espanto que quando cheguei a casa a mala estava novamente cheia de sementes mas de uma espécie diferente. Percebi depois que também eram para plantar mas desta vez no meu mundo.

Mesas Redondas| de partilha e reflexão. De desafio e provocação.

Conferências | com convidados nacionais e internacionais. José Emídio (Portugal), com o seu amor ao lápis; Pascal Luy (Suiça) educadora suiça com a sua partilha de experiencias com os seus alunos (Sozinho o livro, não poderá existir); Oswaldo de Leon e Ologwagdi de Agganusadub (Panamá) com o seu país governado por poetas (privei com eles em jantares e conheci um pouco da sua cultura KUNA) fascinante!; Yara Kono (Brasil) com a sua partilha da ilustração no Brasil; Ana Maria Witzig-Marinho (Suiça) como seu projecto INTERBIBLIO; Sylvie Neeman apresentação da revista “Parole”; Corine Rochat com a técnica do KAMISHIBAI.

Jantares | onde a ementa principal é a partilha e debate de ideias.

Riqueza humana| é o ex-libris deste encontro. Desde a equipa que faz acontecer este encontro (que todos os anos cresce o meu carinho e admiração por eles) até ao convívio entre professores das escolas que visitamos nas oficinas até aos nossos colegas ilustradores. Venho mais rica, muito mais rica. Vejo o início de amizades, de doces amizades. É incrível conhecer a pessoa/ ilustrador sem a obra.

As visitas guiadas às fábricas | são a cereja no topo do bolo deste maravilhoso encontro. Este ano estriou o projecto Primeiro circuito turístico português | Turismo Industrial em São João da Madeira. São visitas para TODOS e aconselho vivamente a visitarem espreitem este link  ao minuto (20m 15s) http://www.rtp.pt/play/p953/e94495/o-nosso-tempo  VIARCO fábrica (única) de lápis em Portugal; EVEREST e HELSAR fábrica de Sapatos; FEPSA fábrica de Chapéus; MUSEU DA CHAPELARIA; OLIVA antiga fábrica de máquinas de costura; Cartonagem TRINDADE fábrica de caixas de cartão; Cortadoria Nacional do Pêlo; Heliotextil.

Fazedores de Lápis
Exposições itinerantes | As ilustrações pertencentes a cada Encontro andam a viajar por todo o país desde o primeiro Encontro. Podem ser requisitas por qualquer biblioteca. Os pedidos de cedência das exposições poderão ser consultados em www.fsjm.pt.

Os marcos físicos que trazemos | Uma agenda catálogo, um troféu, lápis, pacotes de açúcar e um coração apertado já saudoso dos momentos que vivemos.

Termino com uma personagem que marcou-me muito neste Encontro ALBERTINE e Germano Zulo um casal de suiços. Ela uma maravilhosa ilustradora ele um excelente escritor. Albertine tem uma presença forte tão forte como o poder das suas imagens. Termino este post comparando este Encontro a um dos maravilhosos livros deles  Les Oiseaux (As Aves) que penso que se encaixa perfeitamente neste Encontro:
 “ Existem Encontros que nos parecem semelhantes a tantos outros Encontros | eventos. No entanto, eles têm pequenas diferenças. Detalhes. Minúsculos. Pequenos detalhes que são tesouros. Verdadeiros Tesouros. Suficientes para mudar o nosso mundo.”

"Les Oiseaux" Albertine & Germano Zulo

Um muito obrigada a esta equipa maravilhosa que proporciona este Encontro. Ao Senhor presidente da junta freguesia de São João da Madeira Sr. Carlos Coelho, à Comissária do Encontro Sylviane Rigolet, Celeste Almeida, Anabela, Bruno Dias (homem do marketing), Sr. Germano, ao Sr. João e a tantos outros… muito obrigada pelo profissionalismo, empenho e carinho demonstrados.

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Nascimentos no 5º Encontro Nacional de Ilustração


Adoro o amanhecer de todos os dias porque é o início, a expectativa… a curiosidade sobre o dia que estou a viver, que vou viver. Amanheço muitas vezes a pensar, o que reservar-me este dia? Que planos terá para mim?
O dia a nascer em São João da Madeira assim como muitas amizades, projectos, partilhas… a NASCER.













Este ano fotografei pouco, quase nada. Para ser sincera apenas esta foto. Esqueci-me, foi um Encontro muito intenso. Muito ficará na minha memória, nas minhas vivências, outras vou recuperar e perpetuar no registo fotográfico dos meus colegas. Mas esta foto representa muito bem o espírito deste Encontro.

domingo, 14 de outubro de 2012


É já amanhã que começa o 5º Encontro Nacional de Ilustradores. Parto daqui a pouco, ainda hoje durmo nas belas terras de S. João da Madeira. Os próximos dias esperam-se Intensos, Construtivos e de Partilha 










...porque
Existe um mundo inteiro para descobrir na viajar de um lápis!

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Construção de livros no 5º Encontro Nacional de Ilustradores





















O workshop “Como se constrói um Livro Infantil?” volta a viajar até terras de São João da Madeira. Fará parte das oficinas do programa do 5º Encontro Nacional de Ilustração.
Durante a semana que decorre o Encontro estarei em várias escolas a desafiar novos Construtores de Livros. E lá vou eu com a minha Mala cheia de Sementes.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

EPÁ_Educação pela Arte ano lectivo 2012|2013


O ano lectivo 2012|2013 do projecto EPÁ! Educação Pela Arte começa agora, em outubro quando o calor acalma, e todos os Pequeninos já se instalaram no jardim.
As árvores despem-se sem preconceitos para lhes conhecermos a estrutura, seleccionamos as sementes e avançamos para o terreno.
Levo na bagagem as sementes e semeio, na esperança que TODAS germinem. Que o outuno e o inverno sejam simpáticos no trabalhar do terreno e que a primavera acarinhe as sementes a germinar.

 


O EPÁ! Educação pela Arte é uma actividade de enriquecimento curricular. O projecto é desenvolvido a nível do pré-escolar e 1º ciclo do ensino básico. Como actividade multidisciplinar, distingue-se pela procura em envolver de forma criteriosa e inovadora os alunos no universo da dança, teatro, música, artes visuais e literatura.
O EPÁ! prima pelos cruzamentos que consegue proporcionar entre várias áreas artísticas, pelas qualificações das professoras afectas ao projecto, pela constante formação a que as mesmas são sujeitas e pela própria dinâmica inerente à associação ESTUFA, entidade que promove este projecto escolar.
Baseado numa filosofia de Educação pela Arte, o EPÁ! constitui uma oportunidade única de acesso e contacto com diversas expressões artísticas, propiciadoras de um harmonioso evoluir, quer da psicomotricidade, quer das esferas relacionais, afectivas e cognitivas.

É um projecto fundamental no desenvolvimento e consolidação de um ensino de excelência.

Para seguirem as novidades deste projecto adiram à página no facebook www.facebook.com/epa.pt
ESTUFA - Plataforma Cultural é a entidade promotora do projecto. http://www.estufa.pt/pt/epa/

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Bibliotecas Improváveis!


Existe em Torres Vedras uma biblioteca Improvável muito inspiradora. Situa-se no Parque Verde da Várzea na esplanada do Saborear. Um frigorífico com um novo conceito, a Casa Ruim deu-lhe uma nova roupagem a assim nasceu uma nova biblioteca torreense.
Este projecto tem o nome Monstro troca livros e pretende sensibilizar para a oferta e troca de livros entre os cidadãos do concelho de Torres Vedras visando a reutilização de livros e revistas e o encaminhamento de ofertas documentais, assim como contribuir para a educação e sensibilização ambiental através do reaproveitamento de um electrodoméstico (frigorífico) desactivado.    
As pessoas podem deixar directamente no Monstro Troca Livros os seus livros e, se o desejarem, levar um outro que ali esteja e lhes interesse, de forma gratuita. Também podem deixar um comentário ou pensamento sobre o livro que levaram ou deixaram no Monstro. 
     
Um projecto muito interessante da Biblioteca Municipal de Torres Vedras, um projecto a não perder!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

convite 5º Encontro Nacional de Ilustração


Este ano voltei a ter a honra de ser convidada para o 5º Encontro Nacional de Ilustração. Depois de descobrir um Encontro De se lhe tirar o chapéu este ano preparam-se Os Lápis que já vão desenhando o Encontro.

Este ano o Encontro será de 15 a 20 de outubro de 2012.






Para conhecerem a programação e os ilustradores convidados http://www.fsjm.pt/QuintoEncontroIlustracao/


Muito obrigada pelo convite, um obrigada ainda maior por promoverem a arte de ilustrar no nosso país. 

domingo, 23 de setembro de 2012

EPÁ! Como será que se constrói um livro infantil? E um filme?


No ano lectivo 2011|2012 eu e a professora Diana Coelho habitamos o J.I de Moçafaneira no âmbito do projecto EPÁ! Educação pela Arte.
Dentro do trabalho desenvolvido houve um projecto em particular que adorei, a construção de dois livros e de dois filmes.
Eu iniciei o projecto apresentando o objecto livro aos meninos. Através dos cinco sentidos, do processo criativo da história, da ilustração… até à encadernação. Depois do livro construído a professora Diana Coelho trabalhou a história que eles criaram. Criou adereços, trabalharam as personagens, caracterizou-os… depois dos ensaios, dramatizamos a história, o que resultou num filme.
Nasceram assim dois livros e dois filmes com os seguintes títulos : A Maravilhosa Máscara da Princesa Cobra e O Anel das Três Irmãs.
Ficam aqui algumas imagens que ilustram o projecto para verem mais http://www.facebook.com/epa.pt no Álbum EPÁ! Como será que se constrói um livro infantil? E um Filme?
Processo Criativo | Apresentação do objecto livro

Processo Criativo | Construção da história

Processo Criativo | Construção das ilustrações

Processo Criativo | Encadernação


Visionamento dos filmes

Agradecimento especial às assistentes operacionais Diana Costa e Maria João Martins pela colaboração. E à professora Diana Coelho pela excelente parceria!
Com o apoio do Agrupamento de Escolas de Freiria e financiamento da Junta de Freguesia de Ventosa.
Um projecto da Associação ESTUFA